Anúncios patrocinados no Google Ads: 3 modelos para investir

Anúncios patrocinados no Google Ads: 3 modelos para investir

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on reddit
Share on skype

Não existe absolutamente nenhuma pessoa com acesso à internet que não saiba o que é ou nunca tenha ouvido falar sobre o Google, inclusive nos países em que a plataforma é proibida. Isso porque ela é responsável por cerca de 90% de todas as buscas realizadas online, bem como o site mais acessado do mundo. 

Dona de plataformas como o Gmail, o YouTube, o Google Drive, o Meets, o Hangouts, o Maps, o Waze, entre várias outras plataformas milionárias – e algumas até bilionárias -, a plataforma é capaz de reunir uma ampla gama de páginas em um mesmo lugar, classificando-as de acordo com regras de SEO. 

No geral, elas envolvem questões técnicas e de segurança, como responsividade, velocidade, navegabilidade, certificação SSL, etc, bem como quesitos relacionados a relevância e legibilidade. Porém, antes de chegar a essa segunda etapa, é fundamental realizar uma pesquisa de hábitos de consumo e palavras-chave, que podem ser: 

  • Short tail: genéricas e de alta concorrência, como mesa; 
  • Middle tail: mais específicas e com menos buscas, como mesa rústica; 
  • Long tail: termos com baixo volume de busca e alta conversão, como mesa rústica de madeira.

Mesmo que todas as regras de SEO sejam cumpridas, existem páginas que ainda não conseguem aparecer na primeira página ou nas três primeiras posições. Normalmente, isso acontece nos segmentos mais competitivos, nos quais existem outras páginas e marcas com maior relevância e credibilidade. 

Nesses casos, a veiculação de anúncios patrocinados no Google Ads pode ajudar – e muito! – uma marca ser reconhecida e ganhar visibilidade no mercado. Atualmente, a plataforma oferece diferentes opções. A seguir, serão destacadas as principais e que são bem procuradas por donos e gestores de diferentes segmentos. 

Rede de Display

Nos primórdios da popularização da internet, veicular anúncios patrocinados em sites de terceiros era extremamente difícil e, muitas vezes, caro, fazendo com que a ideia fosse eliminada da lista de prioridades do dono de uma pequena empresa de locação de tendas para eventos.

Contudo, com a evolução do Google Ads, essa atividade ficou muito mais simples, visto que é possível divulgar sua empresa em uma rede de display, que será apresentada para potenciais clientes com base em algoritmos inteligentes. Quer ver só como eles são efetivos? Pense no último produto que você pesquisou na internet. 

Se você é uma pessoa que presta atenção, com certeza percebeu que ele apareceu nos anúncios de todos os outros sites que você visitou. Isso não é um passe de mágica, e sim a ação dos algoritmos do Google que captou um possível desejo no produto e a existência de anúncios patrocinados relacionados a ele.

Rede de pesquisa

Se você pesquisar imediatamente por forno elétrico de embutir ou qualquer outro produto ou serviço no Google, verá que os primeiros resultados que irão aparecer na tela estão com a palavra “anúncio” em destaque. Essas são as estratégias patrocinadas aplicadas na rede de pesquisa. 

Mais eficientes até que a rede de display, ela definitivamente capta uma pessoa em um potencial momento de compra, garantindo que as chances de conversão sejam muito maiores. Mas atenção: não basta vincular um anúncio de baixa qualidade, pois isso poderá causar um resultado reverso. 

YouTube

Se você utiliza o YouTube, sem dúvidas já viu algum anúncio na plataforma. Diferente dos modelos anteriores, ele é um pouco mais exigente com relação às criações, pois será apresentado na maioria das vezes antes ou durante um outro vídeo. 

Além desses modelos, existem os anúncios patrocinados de discovery, que funcionam como indicação, os de masthead, que são aqueles que aparecem em destaque quando você acessa a plataforma e os destinados para a própria página de “Vídeos” do Google.  

Gostou do nosso post sobre anúncios patrocinados no Google Ads: 3 modelos para investir? Então compartilhe com os colegas e deixe o seu comentário!

Esse‌ ‌artigo‌ ‌foi‌ ‌escrito‌ ‌por‌ ‌Larissa Rhouse,‌ ‌Criadora‌ ‌de‌ ‌Conteúdo‌ ‌do‌ ‌‌Soluções‌ ‌Industriais‌.

Keidson Designer

Keidson Designer

Designer e Criador de conteúdo, o famoso Social Media.
Keidson Designer

Keidson Designer

Designer e Criador de conteúdo, o famoso Social Media.

Você pode gostar também

Se preferir fale conosco no WhatsApp