Vale a pena terceirizar serviços?

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on reddit
Share on skype

Sua empresa está cogitando terceirizar os serviços, como quando troca-se os conectores elétricos de um painel para dar maior durabilidade e agilidade no serviço? Pode ser que, neste caso, o maior motivo seja uma redução de custos. Mas será que realmente vale a pena?

Na postagem a seguir, tentaremos responder algumas questões e mostraremos quando será o momento certo de agir com este tipo de conceito.

O que é  terceirização de serviços?

Antes de mais nada, precisamos saber o que é terceirização. Tudo para que possamos identificar quando adotar a sinalização de segurança em nossa empresa e inserir este recurso.

Terceirização é um recurso que dá a opção de contratarmos uma empresa para prestar serviços para nossa, sem que haja vínculos trabalhistas. Por exemplo, é necessário que seja colocado piso industrial em sua fábrica e, ao invés de pedir que funcionários façam isso, contrata-se os o serviço de uma marca de fora e que não tenha vínculos trabalhistas ao realizar a tarefa.

Se uma empresa precisa que vistoriem seu estabelecimento, outra vem realiza-lo. Isso reduz custos e agiliza processos burocráticos.

Quando devo terceirizar e vale a pena?

Como citado acima, a terceirização deve ser acionada quando a atividade em questão, foge do escopo designado aos seus funcionários. Assim como nos exemplos acima citados, outros diagnósticos podem vir a tona, tais como:

  •         Contratar uma equipe para lidar com a contabilidade;
  •         Marketing;
  •         Contratar freelancers para conclusão de um projeto;
  •         Consultoria tributária.

Outra razão seria a diminuição de custos, vide que sua empresa não teria noção administrativa para lidar com algumas funções tais como:

  •         Limpeza;
  •         Organização de almoxarifado;
  •         Setor de segurança;
  •         Portaria.

Esses são os modelos mais terceirizados do país e diversas empresas sabem destas vantagens.

Lembre-se, sua empresa está contratando um serviço, portanto, alguns cuidados serão necessários para que essa contratação seja feita dentro das legalidades exigidas.

Verifique a idoneidade da marca contratada, assim como a dos funcionários por ela oferecidos. De nada adiantará ter alguém que não honra com seus compromissos ou que tem funcionários desmotivados ou com rasa experiência e força de vontade.

Atente-se às questões legislativas vigentes, contidas na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), para que não haja nenhum tipo de carga horária acima do permitido ou acúmulo de função indesejado, exigindo de um terceirizado algo que não lhe compete fazer.

Por mais que já tenhamos rabiscado a superfície desta temática nos parágrafos acima, a maior vantagem em terceirizar um serviço é tempo e custo.

No quesito tempo, o empreendedor terá mais qualidade para determinar um direcionamento mais exato ao seu negócio, pois estará diretamente envolvido com sua equipe e não precisará se preocupar com pequenos problemas. Lembrando que, mesmo que algo ocorra no setor terceirizado, o contratante pode chamar um representante e resolver, com ele, as desavenças ou problemáticas, prezando pela praticidade e simplicidade.

No que se refere a custos, diversos direitos que deveriam ser pagos por você, serão feitos pela terceirizada.

Sabendo destes pontos, fica fácil analisar se vale ou não a pena e se é o momento adequado para este novo capítulo.

Esperamos ter ajudado com essa postagem, comente e compartilhe em suas redes sociais.

Conteúdo produzido pela equipe do Soluções Industriais

Keidson Designer

Keidson Designer

Designer e Criador de conteúdo, o famoso Social Media.
Keidson Designer

Keidson Designer

Designer e Criador de conteúdo, o famoso Social Media.

Você pode gostar também

Se preferir fale conosco no WhatsApp